Portal Terapia Espiritualista 
Como fugir do estresse e encontrar seu lado zen
Como fugir do estresse e encontrar seu lado zen

Como fugir do estresse e encontrar seu lado zen

Barulho de trânsito, buzina de carros, poluição, o chefe chato, além do corre-corre típico de quem mora em cidades grandes como Rio de Janeiro e São Paulo. O pior é que nos acostumamos com essa confusão e acabamos ficando cada vez mais longe do tão desejado estado zen. Mas como sobreviver esse caos urbano e pessoal?

De acordo com a monja zen budista brasileira, Monja Coen, ser zen é “fluir com o fluir da vida. Sem drama, sem complicação. Na hora de comer, come comendo, sem ver televisão, sem falar desnecessário. Sente o sabor do alimento, a textura, o condimento. Sente a ternura (ou não) da mão que plantou e colheu, da terra que recebeu e alimentou, do sol que deu energia, da água que molhou, de todos os elementos que tornam possível um pequeno prato de comida à nossa frente. Sente gratidão, não desperdiça”.

Para as vítimas do estresse diário, seguir os conselhos da Monja Coen pode ser um pouco difícil de início, mas nem um pouco impossível. Escolher um local próximo da natureza, poder ouvir o barulho da cachoeira, da água pura e cristalina, se energizar com o poder do verde é uma ótima opção. Mas, caso esse não seja o momento ideal para uma pequena viagem, sua casa pode ser um ótimo refúgio.

Para quem mora sozinho, se isolar um pouco em casa, no seu cantinho favorito, ouvir uma música relaxante, acender um incenso da sua preferência e pensar somente em coisas boas, meditar sobre a vida e o que de bom ela pode te dar, assim como o que de bom você pode fazer por ela e pelo próximo. Sair e admirar a simplicidade das pequenas coisas da vida como o bater das ondas do mar é uma ótima escolha.

Já para quem tem filhos, companheiro, sogra, sogro vivendo na mesma casa, buscar o estado zen pode parecer coisa de filme. Mas, calma! Para tudo há uma solução. Buscar a harmonia com sua família ou amigos também é essencial. Pode parecer simplista, mas nada como tentar, não é mesmo?

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
ONLINE
5